Copa Ibérica no Autódromo Estoril

Publicado em Notícias

Antevisão

O Autódromo Do Estoril vai ser palco de uma jornada ibérica, com provas válidas para o Campeonato Nacional de Velocidade - Vodafone e Copa de Espanha. Como tal, aliciantes corridas em perspectiva no próximo fim-de-semana. A designada Copa Ibérica reúne pilotos portugueses e espanhóis, a partilharem a pista na maioria das classes, excepto na Taça Luís Carreira sem equivalência no país vizinho. Assim, haverá classificações gerais por corrida e depois independentes para cada competição. O horário também será algo diferente do habitual. No Sábado e além dos treinos, ao final da tarde acontece a primeira corrida do Campeonato Nacional  de Superbike e Copa de Espanha Open 1000, seguida da prova dedicada às Motos Clássicas com o Campeonato FUCHS SILKOLENE, e o Campeonato de Espanha de Clássicas. No Domingo haverá “warm-up”, e as corridas desenrolam-se entre as 11h e as 15h30, conforme descrito no horário da prova.

Copa Ibérica 2014

Naturalmente, a coexistência em pista de pilotos das duas competições irá traduzir-se num significativo acréscimo de participantes, com reforço de competitividade e despiques entre os intervenientes.

No caso do Campeonato Nacional de Velocidade/ Vodafone, entra agora na sua segunda metade, sendo esta a quinta jornada para as Superbike e Superstock 600, e a quarta para as restantes classes. Por isso, cresce de intensidade a luta pelos pontos, sobretudo entre os candidatos aos lugares cimeiros.

Na classe 125 GP|Moto 3, Angel Dominguez e Hélder Bessa têm travado cerrado duelo, e só o abandono de Bessa na última jornada fez dilatar a diferença para 18 pontos favoráveis ao espanhol. Algo recuperável com quatro corridas ainda por disputar, bem como Pedro Nuno (que falhou a primeira ronda) pode intrometer-se na discussão essencial. Já na 85 Pro|Moto 4, o actual comandante é Carlos Gonzalo, diante de Bruna Lopes.

Em Superstock 600, também três pilotos estão bem posicionados para prosseguir a luta pela coroa. Sérgio Batista está na frente, mas só com 5 pontos sobre Romeu Leite e 13 face a Tiago Cleto, sendo que outros concorrentes também podem aspirar ao pódio. Assim, é previsível renhido confronto na corrida do próximo Domingo.

Em Superbike, André Pires tem 20 pontos de vantagem sobre Tiago Magalhães, mas dependem apenas de si próprios para chegar ao título. E como esta jornada terá duas corridas, poderá ter um papel importante no duelo, sendo que Mário Alves está perto para aproveitar eventuais falhas dos rivais.

Quanto ao Troféu Século XX/ Taça Luís Carreira, Luís Belchior tem o máximo de pontos possível até ao momento, com 15 de avanço sobre o mais próximo opositor, Francisco Esturrado. Já no Campeonato FUCHS SILKOLENE é mínima a diferença entre os três primeiros da tabela: Francisco Monteiro só tem mais 1 ponto que Hermano Sobral, e mais 4 relativamente a António Machado, pelo que entre eles tudo pode acontecer.

Abundam motivos de interesse para a visita ao Autódromo Do Estoril neste fim-de-semana.